A- A A+

      

Prefeito Evandro Arrais acompanhado do ex prefeito Antônio Roseno Filho, reuniu-se hoje com o Dep. Federal André Figueiredo e o Governador Camilo Santana na busca por recursos para a cidade de Antonina do Norte. Segundo o prefeito, lutar por melhorias para o povo antoninense é uma de suas metas. Em breve, novas obras e projetos serão divulgados.        

        

Considerando:
 
➤ A valorização dos profissionais da educação com o princípio constitucional;
➤ Histórico da Lei Federal 11.738/08
➤ Aplicação da Lei Federal Nº 11.738/08
➤ 1/3 e a Lei de diretrizes e bases da Educação Nacional;
➤ 1/3 e a qualidade da Educação
➤Consequência jurídicas
"Os desafios para a construção de uma Educação de qualidade para todos os brasileiros e brasileiras passa pela valorização da carreira do magistério e o estabelecimento de padrões mínimos de qualidade para as escolas públicas".
 
 

Os caretas, a malhação de Judas e os penitentes. Os caretas consistem num grupo de manifestação popular que percorrem todas as ruas da cidade durante a semana santa pedindo esmolas, eles estão trajados de roupas esfarrapadas, máscara, chocalhos e com chicotes.

No Sábado de Aleluia, os caretas organizam da malhação de Judas, tradição em todo país, trazida pelos espanhóis e portugueses para toda a América Latina, e que todos os anos se realiza em nosso município com grande participação da população.

A queima de Judas, que simboliza a morte de Judas Iscariotes, que por 30 moedas de prata entregou Jesus aos soldados romanos para ser crucificado. A brincadeira consiste em surrar um boneco do tamanho de um homem, forrado de serragem, trapos ou jornal, pelas ruas de um bairro e atear fogo a ele, normalmente à noite, para simbolizar a morte do traidor de Jesus. 


Os penitentes durante a noite percorrem as ruas também pedindo esmolas. E flagelam-se com as lâminas afiadas da “disciplina”, num suplício multifacetado de arrependimentos e de excessos dogmáticos de religiosidade popular, buscando redimir os próprios pecados e os alheios.
As almas santas, que estão a levitar no limbo do purgatório, acompanham os fiéis penitentes durante a lamentação quando se alimentam das suas rezas, em forma de benditos, nutrindo a esperança de que sejam atenuados ou eximidos os seus sofrimentos, numa espécie de remissão a purgar todas as faltas e transgressões cometidas em vida.